top of page

Liquidadores de Chernobyl.(Sobreviventes).





 

QUEM ERAM OS LIQUIDADORES DE CHERNOBYL?



Cerca de 600 mil homens e mulheres, civis ou militares foram responsáveis por minimizar as consequências do desastre em Chernobyl.

Eles foram responsáveis por conter os incêndios e construir " o sarcófago" ( estrutura desenhada para conter a radiação), e limpar o lixo nuclear produzido pelos destroços da explosão.

Os materiais com níveis de radiação altos até hoje!



 

TODOS OS VOLUNTÁRIOS MORRERAM DEVIDO A ALTAS DOSES DE RADIAÇÃO ?


Estes são Michail ( esquerda da foto) e Anatoly(direita da foto) , limparam o local da explosão nuclear em 1986.


Depois de cumprir a sua tarefa, eles migraram para Israel junto com outros 5 mil liquidadores.

Na época em que Anatoly foi convocado 2 meses após a tragédia, tinha apenas 36 anos, informado que serviria em sua cidade Donetsk..

Quando chegou lá se deparou com muitos ônibus em frente a uma base militar, trocaram as roupas, cortaram o cabelo, no dia seguinte todos se juntaram em uma praça, algumas pessoas foram enviadas para as suas bases em Donetsk, Anatoly foi enviado para Chernobyl.

Uma de suas atividades quando chegou no local do desastre foi limpar o grafite radioativo, além dos destroços, não demorou muito e ele ficou doente e inválido.

Em 1987, ele passou um mês em uma clínica de radiologia.

Depois de um mês, voltou para sua casa pois lá também tinha uma clinica de radiologia.

Passou mais um mês internado na clinica em sua cidade.


Michail tinha 28 anos quando foi mandado para Chernobyl em 1989, foi enviado como operador de rádio, estava quase no limita da área afetada, a quase 30 km da usina, ele conta que não tinha apenas convocados, apesar de um número baixo um pra cada mil.

Para as outras pessoas chegaram ordens de alistamento, recolheram suas carteiras de identidade e carteira de alistamento.

Receberam uma carta de alistamento indicando seu local de alistamento e os preparando para ir até Chernobyl em três dias.

Não existia a palavra não, se alguém se negasse a fazer o trabalho imediatamente era levada até a prisão.

Michail diz que até hoje não recebeu dados de quanta radiação seu corpo absorveu.

Conta que em Pripyat onde ficava a usina , existiam vários equipamentos para medir a radiação, mas para os outros que trabalhavam lá ou se aproximavam, havia equipamentos pequenos que não mediam corretamente os níveis de radiação apenas acumulavam.

Uma das máquinas que mediam tinha o limite de 5 Rem e quem chegava até 5 Rem ia para casa.

Ele era um dos que não tinham essa máquina!

Em sua carteira de alistamento, após 180 dias foi escrito 4,8 Rem, e o mandaram para sua casa sem saber a sua real situação.


Dos 5 mil liquidadores que foram para Israel, apenas 1.500 estão vivos, foram reconhecidos por lei em 2001 e desde então recebem ajuda financeira, mas lutam há 30 anos para receber tratamento oncológico apropriado.


Anatoly é Presidente da Associação de Liquidadores de Kiryat Gat, ele diz que alguns médicos não reconhecem que eles tenham problemas de saúde ligados especificamente a Chernobyl, os problemas de saúde que eles tem é por conta da alta idade, sua luta é pelo reconhecimento de suas doenças devido o desastre e o trabalho e tratamento correto de suas doenças.

#radiação #diagnosticoporimagem #raiox




45 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page